30 de junho de 2011

Quando

Quando a sua boca toca a minha, eu me transporto para outro lugar, perco a noção do tempo, do espaço e do mundo. Quando suas mãos tocam o meu corpo delicadamente, sinto o toque de um anjo. Quando você me abraça e eu posso sentir os batimentos do meu coração, o meu para por um segundo e ás vezes se descontrola. Quando você fica me olhando e diz que está admirando a minha beleza eu fico tão sem graça e não sei o que dizer que apenas sorrio, pois minha felicidade chega ao seu auge. Quando estamos de mãos dadas eu me sinto tão segura que parece que nada vai me abalar. Quando você vai embora, uma saudade já invade o meu peito e minha única vontade é sair correndo atrás de você e me jogar nos seus braços. Quando alguém me fala de amor, a única coisa que eu consigo pensar é em você e como a sensação de estar ao seu lado é boa, sem compreender como você faz isso comigo. Quando fecho os olhos um pouco antes de dormir, agradeço todas as noites por ter você em minha vida. <3

2 de junho de 2011

E eu não tenho mais forças

Está tão difícil. Não posso mais aguentar, minhas forças acabaram.
Tem alguns momentos do meu dia em que eu tenho energia, tem momentos que eu consigo sorrir o tempo inteiro e esquecer o que me aflinge.
Mas no escuro da noite, quando a solidão me acompanha pensamentos atordoantes chegam a minha mente e a angústia sobe pela garganta. O que mais eu posso fazer? É horrível procurar uma saída e não encontrar. Ou então encontrar uma solução que é uma atitude extrema.
O jogo agora é tudo ou nada, então eu vou a luta, mesmo que isso me machuque, pois pior do que eu já estou, sinceramente, é difícil ficar.